Histórico


Criado em 06 de fevereiro de 1969, pela Portaria 682/69, o MIS foi inaugurado pelo ministro Tarso Dutra, pelo Governador Paulo Pimentel e por Cândido Martins de Oliveira, Secretário da Cultura. É o segundo Museu da Imagem e do Som mais antigo do país, atrás somente do MIS-RJ.

Da sua criação até 1989, o MIS passou por várias mudanças de sede. Funcionou inicialmente numa sala, no terceiro andar da Biblioteca Pública do Paraná, de 1969 a 1972. Em 1972, ganhou autonomia e espaço físico próprio no prédio da Secretaria de Estado da Cultura.

Em 1974 foram inauguradas suas instalações em sala anexa ao Museu de Arte Contemporânea. De 1981 a 1984 ficou desativado, sendo seu acervo encaixotado e colocado de forma dispersa, parte na sede antiga, parte numa sala da Secretaria da Cultura, ficando o mobiliário em outro espaço. Em 1984 foi reaberto na sede da Rua XV de Novembro. Posteriormente, em 1986, o MIS foi transferido para a sede da Rua Martim Afonso.

Em 1989, o MIS mudou para a sede na Rua Barão do Rio Branco, antigo Palácio do Governo, que passou a ser a sede definitiva do museu quando, em 2002, o Governo Federal transferiu a propriedade do imóvel para o Estado com a finalidade específica de abrigar o museu.

Em 2003, o prédio apresentava graves problemas estruturais e necessitava de obras de reforma e restauro para garantir a integridade do acervo. Por este motivo, a equipe técnica e o acervo foram transferidos para um espaço alternativo no bairro Santa Cândida.

Mas o processo de reforma e restauro foi acontecer quase 10 anos depois, na primeira gestão do governador Beto Richa (2011-2014). As obras começaram em 2012 e foram entregues em 2014. Em 2015 foi realizado todo o processo de readequação do espaço para voltar a abrigar o acervo e a equipe técnica. E no dia 13 de abril de 2016, o MIS-PR foi reinaugurado em sua sede oficial, no Palácio da Liberdade.

Recomendar esta página via e-mail: